UFRPE instala comissão que fará seleção de filhos de estudantes, professores e servidores para creche em Dois Irmãos

Foto: Site da UFRPE

A fim de estabelecer os critérios para a escolha das crianças atendidas e, também, para iniciar os trabalhos referentes à participação da UFRPE na gestão compartilhada da CMEI Ariano Suassuna, a reitora Maria José de Sena convocou uma reunião, nesta quarta-feira (22/05), com a participação de representantes do curso de Licenciatura em Pedagogia, Ciências do Consumo, do Núcleo em Investigação em Neuropsicologia, Afetividade, Aprendizagem e Primeira Infância (Ninapi), do Núcleo de Relações Institucionais e Convênios (Nuric) e do Coletivo Mulheres da UFRPE. Uma comissão feita por docentes, estudantes e técnicos da UFRPE ficou responsável por pensar os critérios de seleção e começar a articulação institucional com a equipe técnica da CMEI e da Secretaria de Educação. 

A previsão é de que o centro de educação infantil oferte cerca de 100 vagas quando estiver em pleno funcionamento, sendo disponibilizadas 50% das vagas para a comunidade universitária da UFRPE e outros 50% para as comunidades do Sítio dos Pintos, Sítio São Braz, Córrego da Fortuna, entre outras vinculadas ao bairro de Dois Irmãos. A Prefeitura do Recife ficará responsável pela seleção das crianças das comunidades do entorno, e a UFRPE pela indicação dos meninos e meninas da comunidade universitária. 

Em 2019, serão atendidas crianças de 1 a 3 anos. A partir de 2020, crianças de 4 e 5 anos também terão o direito ao novo espaço de educação infantil. Nesse primeiro momento, a UFRPE indicará 30 meninos e meninas para o novo centro de educação infantil. Serão filhos e filhas de estudantes, professores e servidores técnico-administrativos. 

Compõem a comissão as professoras Maria Jaqueline Carvalho (Lic. Pedagogia), Ana Catarina dos Santos Pereira Cabral (Lic. Pedagogia), Emmanuelle Christine Chaves da Silva (NINAPI/DED), Pompéia Villachan Lyra (NINAPI/DED), Maité Kulesza (Coletivo Mulheres da UFRPE/DM), Joseana Maria Saraiva (DCD), a estudante Luiza Cardina (Coletivo Mulheres da UFRPE) e o diretor do Nuric, Dalton Araújo. Saiba mais aqui.

Com informações do site da UFRPE